Sobre Nós:

Nasceu a partir do encontro de 3 jovens que estudavam na Escola Nacional de Circo do Rio de Janeiro e na Faculdade Angel Vianna. Suas primeiras inquietudes e pesquisas foram feitas em 2007 com o objetivo de desconstruir a estética tradicional do circo através da dança contemporânea. Investigando principalmente os malabares (claves, swing e  bola contato) criaram seu primeiro numero « Claveando » com suporte do Centro Coreográfico do Rio de Janeiro.

Em 2008 participam da competição « Malabares Rio » recebendo o prêmio de « menção honrosa » com o numero « Duolado », apresentando também no festival de teatro de Rua de Angra dos Reis. Em 2009 dos membros da companhia Ronan Henrique e Marina Collares viajam para Europa e criam seu primeiro espetáculo « Emtreâmbicos » apresentando em festivais na França e Espanha e também organizam sua primeira turnê indepentem de circo social na África (Mali e Guiné Conacri) apresentado em universidades, casas de Jovens e escola de baixos recursos.

Em 2012 se instalam em Barcelona e realizam sua segunda criação com o apoio do Centro Civic Drassanes criando o espetáculo « Nois um », um espetáculo de Acro dança e Circo . Com esta obra destinada para Rua, a Cia consegue uma inserção profissional importante atuando em renomados Festivais de Arte de Rua, Circo e Dança na Europa e America Latina. Hoje em dia esses artistas realizarão em torno de 300 apresentações em 14 países diferentes com esse espetáculo .

A companhia desenvolve sua propia linguagem a partir da dança, da acrobacia, do duo acrobatico e de uma gestualidade influenciada pela capoeira. Articulando a doçura da dança com o impacto do circo de forma poética, na busca de um corpo tridimensional que aproveita o fluxo natural do movimento de maneira orgânica.

Equipe:

_MG_3013 copy                                               

 

                        Marina Collares

 

Deu seus primeiros passos na dança clássica aos 6 anos de idade, tendo estudado na escola municipal Maria        Olenewa-RJ, e dança contemporânea a partir dos 14 anos. Licenciada em dança contemporânea na Faculdade   Angel Vianna (Rio de Janeiro – Brasil), estudou trapézio e duo acrobático na Escola Nacional de Circo (Rio de Janeiro -Brasil). Motivada pela ideia de continuar sua formação, viajou para Barcelona onde estudou dança    contemporânea na AREA Spai de Dansa i Creació,  concluiu o primeiro bloque de formação na MOVEO Escuela Internacional de Mimo Corporal Dramático  (Barcelona-España). Também viajou para Índia e se formou em Hatha Yoga na escola Sivananda Yoga Vedanta (Kelara-India). Pratica Capoeira Angola há 5 anos, tendo participado de encontros em diferentes partes do mundo. Havendo trabalhado como interprete e credora em diferentes companhias de dança contemporânea, dança teatro e circo, como a Cia Arte em Movimento, Cia Bonde D, Cia Gente Pendurada, Cia PéNo Ar, entre outras. Em 2007 criou a Cia Delá Praká junto a Ronan Lima, desenvolvendo uma linguagem de dança, acrobacia e porteurs como veículo de expressão e diálogo. Com a Companhia Delá Praká trabalhou em diferentes festivais em mas de 18 países, como Alemanha, França, Bélgica, Espanha, Suiza e Austria. Atualmente, continua sua investigação e formação artística na escola Lido, Centre des Arts du Cirque Toulouse –França, criando uma nova obra “Ueia”, paralelamente trabalham com a obra “Nois Um” última criação da Cia Delá Praká.

 

               _MG_2804 copy                                       

                                                 

 

                               Ronan Lima

 

Iniciou a acrobacia de solo com 8 anos de idade, capoeira e dança contemporânea aos 13 anos. Em 2006 se licenciou em Educação Física na Universidade Castelo Branco (Rio de Janeiro – Brasil), estudando duo acrobático e trapézio de vôos durante 2 anos na Escola Nacional de Circo (Rio de Janeiro – Brasil). Em 2007, junto a Marina Collares criou a  Cia Delá Praká, desenvolvendo uma linguagem própia utilizando e fusionando a danza, acrobacia e porteurs acrobáticos como veículos de expressão e diálogo. Em 2008 viajou para Europa, com Cia Delá Praká, onde trabalhou em diferentes festivais como professor e performer, participando de diferentes festivais em diversos países da Europa (Alemanha, França, Belgica, Espanha, Suiza e Austria). Em 2012 estudou dança contemporânea na AREA Spai de Dansa i Creció (Barcelona – España).Atualmente, continua sua investigação e formação artística na escola Lido, Centre des Arts du Cirque Toulouse –França, criando uma nova obra “Ueia”, paralelamente trabalham com a obra “Nois Um” última criação da Cia Delá Praká.

 

 

Mario Schimitt  2      Pedro Collares

Investigador das diferentes maneiras de utilizar o Som e a Música como ferramentas de cura, auto-conhecimento. Estudou Teoria e percepção musical na Uni Rio (Rio de Janeiro), Harmonia Funcional na escola de Nacional de Musica (Badalona/Espanha), Terapia do Som pela Associação Internacional de Terapia do Som (Barcelona/Espanha) Produção Musical SAE (Barcelona/Espanha). Na india estudou cato tradicional, de formou como instrutor da Oneness University e como Professor de Yoga pela Tulasi Dalam Yoga Pada.

Atualmente participa tocando em diversos festivais de Circo pela Europa com a obra “Nois Um” com a Cia Delá Praká Alemanha, França, Espanha, Suiza, Austria Italia Também tocando em diversos festivais de Yoga. Pedro é pioneiro no Hang, instrumento musical inventado na Suiça no ano 2000 com mais de 10 de experiencia, foi o primeiro Brasileiro a tocar este instrumento tao especial.